Evitando a pasta promoções em e-mail marketing

r84507

Desde que o Gmail adotou um sistema automatizado para classificação e divisão dos e-mails da sua Caixa de Entrada em várias abas (Principal, Promoções, Social, Fóruns, etc) milhares de blogueiros, sites de eCommerce e negócios online “ganharam” uma grande dor de cabeça. Normalmente os usuários não olham essas pastas e os únicos e-mails abertos são os da caixa de entrada principal. 

Como evitar que meu e-mail vá para na pasta Promoções?

Basta enviar um e-mail que não pareça uma promoção. Bem lógico, não? Siga essas dicas:

Chame o destinatário pelo nome.

E-mails com o nome do destinatário tem mais chance de chegar à Caixa de Entrada com sucesso. Além de estar entre as melhores práticas do relacionamento por e-mail marketing, pois torna a comunicação mais pessoal e individual, ficando mais próxima do destinatário.

Evite usar conteúdo HTML, faça um e-mail em texto simples.

Quando se trata de e-mail marketing, quanto mais simples e pessoal, melhor. Opte por mensagens simples, simulando a comunicação normal entre duas pessoas.
Usar um template HTML pode fazer seu e-mail ficar com um bom visual, mas isso de nada adianta caso o e-mail caia na pasta de promoções e não seja aberto.

Seja rápido e objetivo

Outro fator que influencia diretamente a categorização do e-mail como Promoção é o seu tamanho. A probabilidade de e-mails muito longos chegarem à caixa Principal é menor. Diga o que precisa ser dito e deixe que o destinatário opte por saber mais com uma chamada de ação.

Imagens podem não ser uma boa idéia!

Não adianta fazer uma verdadeira obra de arte, um anúncio publicitário para ganhar prêmio, se ele não vai sequer chegar à caixa de entrada. O Google vê imagens em e-mails como um sinal de Promoção ou SPAM. Faça um teste: tire as imagens de um e-mail marketing e veja como a taxa de abertura vai subir vertiginosamente.

Limite o número de links.

O objetivo do seu e-mail marketing é gerar tráfego para uma página correto? Então se atenha a isso! O ideal é que coloque apenas o link que você deseja que o destinatário do e-mail clique e diga porque ele deve clicar naquele link. Certas vezes não é possível colocar só um link para que o e-mail faça sentido, coloque-os mas tente sempre limitar o número de páginas.

Não tente vender explicitamente.

“Compre”, “Comprar”, “À venda” são apenas exemplos de palavras explicitam uma promoção, caso queira evitar a pasta faz sentido evitar estas palavras.

Tente conduzir o cliente para a página de compras de uma forma mais sutil, para nesta página apresentar, defender e vender seus produtos ou serviços de forma mais livre, atrativa e interativa.

Resumindo, tente fazer que o e-mail pareça ter sido enviado de uma pessoa para outra. Espero que essas dicas surtam efeitos em suas campanhas!

Newsletter

Deixe seu e-mail abaixo para receber o melhor conteúdo sobre e-commerce.